Sinopse     

Em o Fim do Fim, Amândio Anastácio e João Garcia Miguel cruzam capacidades. O tema é uma indefinível tensão entre dois mundos. O mundo que temos e essoutro que sonhamos. Em tempos inventámos as linguagens que nos ajudaram a construir esta utopia de mundo que mudou tudo à nossa volta. E que agora deixaram de servir essas linguagens. Porque impedem-nos de mudar. Porque nos aprisionam, limitam os sentidos e transformando-nos em informadores. A cada dia que passa matamos o espaço comum que hoje se confunde com redes. As nossas queridas redes são os instrumentos criados por nós os informadores que nos tornámos vítimas felizes de uma liberdade agrilhoada.
A ideia inicial era uma peça sobre o fim premeditado dos objetos a que chama obsolescência programada. Uma morte prevista para os objetos. Aos poucos tornamo-nos, também, em objetos obsolescentes. O fim de todas coisas é aceite com a alegria de que a seguir há sempre um objeto novo e um recomeço. A partir escrevemos um texto que dá voz à vida aprendendo a dizer adeus. As coisas estão a mudar. Há correntes subterrâneas que nos empurram. Dançamos valsas e aos poucos transformamo-nos em cães. Somos filhos e frutos de experiências algorítmicas de empresas inovadoras. Não há nada que se possa fazer. Estamos a perder palavras. Cada dia um pouco mais. Está tudo a modificar-se radicalmente. Ão! Ãoo! Temos de aprender a modificar-nos também. Sentimo-nos cada vez melhor nesta vida de cão. E tudo para que haja um LUGAR PARA TODOS. O Quixote diz: quem lê um livro abandona-se num barco no alto mar corre riscos de ficar doido varrido e feliz da vida.

FICHA TÉCNICA E ARTÍSTICA

Play Video

CRÉDITOS

jgm – joão garcia miguel
Rua Carlos Mardel 113 R/C Dto – 1900-121 Lisboa, Portugal
tlm: +351 933 327 229
georgina@joaogarciamiguel.comjoaogarciamiguel.com

FICHA TÉCNICA E ARTÍSTICA​

Ideia Inicial | Amândio Anastácio
Texto | João Garcia Miguel
Espaço Cénico e Encenação | Amândio Anastácio & João Garcia Miguel Interpretação | Duarte Melo & Paulo Quedas
Música | João Bastos
Figurinos | Rute Osório de Castro
Equipa Técnica | Luís Gomes, João Pedro Palma e Roger Madureira
Direção de Produção | Georgina Pires & Geovana Jardim
Produção Executiva | Joana Crespo
Comunicação | Alma d’Arame
Assessoria de Imprensa | Susana Otão
Difusão e Circulação | Vicente Paredes
Uma Coprodução | Alma d’Arame & Companhia João Garcia Miguel Redes Sociais e Site | João Simões
Designer | Vasco Costa
Fotografia | Inês Sambas
Vídeo | Pedro Grenha
Teaser | Roger Madureira

co-Produção

Companhia João Garcia Miguel & Alma d’Arame

Financiamento

A Companhia João Garcia Miguel tem o apoio do Ministério da Cultura, da Secretaria de Estado da Cultura e da Direcção Geral das Artes

APOIOS

Teatro Ibérico | Câmara Municipal Montemor-o-Novo | Câmara Municipal de Lisboa | Junta de Freguesia de Marvila | Junta de Freguesia do Beato | IEFP